2ª Edição - Candidaturas abertas de 10 de Outubro a 30 de Novembro

Prémio A Arte Chegou ao Colombo - Alterações Climáticas e Sustentabilidade

Parceiros

 

 

Prémio "A Arte Chegou ao Colombo" - 2ª Edição

 

 

“A Arte Chegou ao Colombo” é um programa de arte pública do Centro Colombo que, ao longo dos últimos anos, tem contribuído para a democratização da arte e da cultura através da organização de exposições de arte de qualidade em espaços públicos.

O “Prémio A Arte Chegou ao Colombo” foi criado em 2020, em resposta à pandemia Covid-19, com o objetivo de iniciar um novo ciclo através da criação de um projeto de apoio ao setor artístico em Portugal, dando assim um novo impulso à criação de arte contemporânea e um sinal positivo à sociedade numa fase de grande incerteza económica.

O “Prémio A Arte Chegou ao Colombo” é um prémio de aquisição, promovido pelo Centro Colombo e co-organizado pela State of the Art.  As obras de arte vão ser avaliadas por um Júri constituído pelos representantes dos parceiros do Prémio: a Fundação Arpad Szenes – Vieira da Silva, a Fundação D. Luís I, o Museu Coleção Berardo, o Museu Nacional de Arte Antiga e o Museu Nacional de Arte Contemporânea.

O objetivo principal é incentivar os artistas participantes a criar uma obra de arte cujo denominador comum seja “Alterações Climáticas e Sustentabilidade”.

O Prémio tem periodicidade bianual e está aberto a todas as modalidades de artes plásticas e visuais.

Destina-se a artistas emergentes, maiores de 18 anos, de forma individual ou organizados em grupo, portugueses ou residentes em Portugal com um trabalho expositivo não superior a 10 anos.

As candidaturas deverão ser submetidas em formato digital a partir do próximo dia 10 de outubro. Após a aprovação da candidatura e posterior avaliação técnica, realizada pelos organizadores, o Júri selecionará até 10 trabalhos, que serão divulgados no referido sítio da internet, nas redes sociais do Centro Colombo, assim como na Exposição de Finalistas a decorrer em 2023 na Fundação D. Luís I. (Centro Cultural de Cascais).

De entre os candidatos finalistas, será eleito um vencedor, cujo trabalho seja considerado uma proposta criativa e inovadora no contexto nacional e internacional.

O público terá a oportunidade de votar na sua proposta finalista favorita através do sítio da internet. Através da votação pública, apurar-se-á a proposta mais votada que terá um peso de 40% no apuramento do resultado final. O voto do júri terá um peso de 60% no apuramento do resultado final. A proposta com mais votos será considerada vencedora do Prémio.

Cada finalista selecionado, individual ou coletivo, receberá uma verba de € 1.000 (mil euros), acrescidos de IVA, para apoio à produção do trabalho e sua apresentação na exposição de finalistas.

O vencedor do Prémio receberá uma verba de €10.000 (dez mil euros), acrescida de IVA.

Tratando-se de um Prémio de Aquisição, a obra vencedora irá depois integrar a coleção de arte do Centro Colombo.

Consulte o regulamento aqui.

 

 

Prémio "A Arte Chegou Ao Colombo 2020"

Conheça o vencedor do concurso AACC 2020: Atelier Contencioso

Atelier Contencioso, com a instalação de arte ‘Sopro’, é o grande vencedor da 1ª edição do ‘Prémio A Arte Chegou ao Colombo’, lançado com o objetivo de apoiar artistas emergentes.

Conheça o vencedor
Conheça o vencedor do concurso AACC 2020: Atelier Contencioso