Os melhores exercícios para quem quer praticar surf

Fique a saber qual a melhor maneira de preparar o corpo para enfrentar as ondas.

Como qualquer outra modalidade, o surf exige bastante preparação – dentro e fora de água. Se experimentar uma aula de surf, verá que este é um desporto de alta intensidade que exige bastante esforço, pela rebentação, as ondas, os tombos, as variações das remadas e todo o desafio de encarar as energias do mar.

Tânia Mendes, Fitness Instructor do Solinca Gaia, explica-nos a importância da preparação física para a prática do surf e esclarece sobre as atividades que devem fazer parte do treino de um surfista.

“Para atravessar a rebentação várias vezes e surfar durante horas é preciso estar bem fisicamente”

isto porque “um dos principais perigos de surfar, é surfar cansado. Sem energia, não há força, sem força não há coordenação de movimentos e a probabilidade de quedas e acidentes é maior”, explica.

É por isso que, antes do surf propriamente dito, importa preparar o seu corpo. Como explica Tânia Mendes, “o intuito dessa preparação é permitir que o surfista concilie um excelente condicionamento muscular e cardiovascular sem perder a flexibilidade”.

Para tal, tenha em conta que o nosso organismo vai buscar energia a duas principais vias, que são usadas conforme a intensidade e duração do esforço. São elas as vias anaeróbias, que como explica Tânia Mendes, “é onde as reações metabólicas podem ocorrer na ausência de oxigénio”, e as vias aeróbias, “onde a presença do oxigénio é indispensável”.

No surf, a via mais utilizada é a aeróbica, uma vez que passamos a maior parte do tempo a remar, ou seja, a realizar atividades de baixa intensidade mas longa duração. No entanto, a via anaeróbia é também usada, principalmente na realização de manobras, quando o trabalho muscular é mais intenso e potente.

Assim, o surfista necessita de desenvolver estes dois sistemas metabólicos, que são trabalhados com diferentes treinos, o que carece que, a prática de surf seja conjugada com um completo treino aeróbico e anaeróbio.

Deve completar o seu treino com um treino mental

Não sabe como treinar? A Fitness Instructor do Solinca esclarece. Corrida, ciclismo ou natação são considerados treinos aeróbios, já musculação ou sprints, são treinos anaeróbicos. Estes últimos servem principalmente para fortalecer o corpo, principalmente as pernas e região abdominal e devem ser acompanhados de um bom trabalho de flexibilidade e agilidade, para que o atleta não perca a mobilidade.

Além destes treinos, “outro aspeto que faz a diferença na água é o psicológico”, refere Tânia Mendes. Por isso, complete o seu treino com um treino mental, “que pode ser alcançado através de atividades como yoga ou relaxamento”, aconselha.

Para conhecer três dicas sobre o treino muscular para surfistas, apontadas pelo treinador de surf profissional, Hayden Rhodes, carregue na imagem.

Categorias
Vida Saudável
Partilhar

Tudo o que precisa num único espaço